terça-feira, 14 de outubro de 2014

Dia 12 de Outubro


(imagem da internet)

 Dia 12 de outubro está chegando
Com a bagagem cheia de lembranças,
Uma festa que todas as crianças
Anualmente já ficam esperando,
Todas elas ficam imaginando
Seu presente este dia o que será,
Se é algo de vestir ou de brincar,
O que importa é sua felicidade,
Este dia me traz muita saudade
Tempos bons que jamais iram voltar.
*
Eu não tinha que me preocupar
Com violência, stress, isso tudo,
Politicagem e outros absurdos
Que faz vergonha a gente comentar.
Na escola, quando a gente ia voltar
Para casa, no caminho vinha brincando
Satisfeito, alegre e comentando
Brincadeiras e a merenda do recreio
Disso tudo hoje sinto anseio
Resta agora ficar só relembrando.
*
Disso tudo o que está me maltratando
Encravado no peio e não sai
Saber que dia 12, o meu pai
Estaria então aniversariando.
Do meu lado estaria trabalhando
Velhinho, careca ou com cabelo branco,
É véi macho que agüentava o tranco,
Grande porte e coragem destemida
Vencedor das labutas dessa vida
Superou os diversos solavancos.
*
Já passei por trancos e barrancos
Também posso contar minhas vitórias
Em versos descrevo essas histórias,
O transporte da vida eu não Estanco,
De tudo que é ruim sempre arranco
Um exemplo que guardo a vida inteira
Com papai superamos as trincheiras
Puxei dele a força nos tutanos
Parabéns por seus 92 anos
Beijo do filho Roseno Oliveira.
*
Parabéns ás crianças brasileiras
Hoje em dia o futuro país,
Por vocês ficarei velho feliz
A geração que será mais verdadeira
Cresçam fortes, justas e guerreias,
Nossa raça é de gente encorajada
Visionários em sua caminhada
Ao crescer manter a mesma essência
Com pureza, verdade e transparência
Alcançar sua meta desejada.
*
Parabéns pra vocês, cambada,
Parabéns a papai que está no céu,
Parabéns meu filho Gabriel,
Toda vez que for comemorada
Esta data espantará todas as mágoas,
E esse verso no coração deságua
Às vezes nem sei como declamo
Inspirado nas pessoas que amo
Sou Roseno, o poeta do Olho D’água.