quinta-feira, 9 de agosto de 2012

POESIA


Qualquer que seja o lugar
A Poesia é bem amada
Muito bem apreciada
Com gente que sabe amar,
Pois o dom poético está
Nas entranhas do coração
Sentir essa emoção
É coisa maravilhosa
É sempre mais virtuosa
Quando se faz com paixão.
*
Ouvi-la presente ou não
Um Poeta a declamar
Seja na praça, num bar,
Ou até mesmo locução,
Penetra como um ferrão
Só que na alma da gente
Fazendo tornar freqüente
A sede de prosa e verso
Que até mesmo o universo
Chora ao vê-la ausente.
*
È bom sermos consciente
Que palavras sem atitude
Não dá valor a virtude
De um amante descente
Tem que lutar firmemente
Pela pureza do dom
Expondo em alto som
A sua sinceridade
Que poeta de verdade
Só dá valor o que é bom.
*
Jamais aumento meu tom
Pra falar o que não sou
Graças a Deus não estou
Servindo como garçom
há gente que se acha com
O poder de poder julgar
Aqueles que sabem amar
As coisas simples da vida
Assim como minha querida
Poesia a versejar.
*
E pra não desagradar
Está é a hora certa
Não me considero poeta
Apenas sei valorizar
De modo particular
A cultura e a poesia
Tenho esperança que um dia
Alguém possa me entender
Chegar pra mim e dizer
O valor de uma poesia.
*
Roseno Oliveira
15/05/2012